Previsão do Tempo Min: 16° Máx: 29°
Previsão Completa
Você está na edição de Sábado, 17 de Março de 2012
Clique aqui e veja outras edições
Edição de - Síria
Tropas do governo atacam Deraa

Beirute, Líbano – Tropas do governo sírio dispararam morteiros e metralhadoras nessa quarta-feira na cidade de Deraa, no sul do país, impelidas a esmagar a rebelião contra o presidente Bashar Assad onde a revolta começou há um ano, após terem retomado o controle de Homs, na Síria central, e de Idlib, no norte do país. Segundo ativistas, pelo menos 20 pessoas foram mortas ontem em Deraa. A oposição síria mostrou sérias divisões nessa quarta-feira, com dois líderes dissidentes abandonando o Conselho Nacional da Síria (CNS), ao qual acusaram de ser “autocrático”. Mas o governo russo, aliado de Assad, começou a mostrar sinais de impaciência com Damasco. O presidente francês Nicolas Sarkozy disse que o mandatário sírio se comporta como um “assassino”.
A série de ataques contra a oposição e os desertores aumentaram a pressão sobre o governo de Assad. Itália e Arábia Saudita fecharam nessa quarta-feira suas embaixadas em Damasco, enquanto o presidente francês Sarkozy fez um discurso irado, no qual chamou o mandatário sírio de “assassino”.
A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO, na sigla em inglês), disse nessa quarta-feira que o conflito civil sírio colocou em risco a segurança alimentar de 1,4 milhão de pessoas, que agora correm o risco de passar fome. Segundo a FAO, o governo sírio precisará aumentar em cerca de um terço sua importação de cereais para alimentar 1,4 milhão de habitantes. (AE)

Compartilhe esta notícia Deixe seu comentário Assine a newsletter Indique esta Notícia


Mais Notícias de Geral
Jornal Gazeta do Sul
Rua Ramiro Barcelos, 1206 | Santa Cruz do Sul - RS
(51) 3715-7800 | portal@gaz.com.br
Desenvolvido e Mantido por
Equipe de TI Gazeta Grupo de Comunicações