Previsão do Tempo Min: 17° Máx: 23°
Previsão Completa
Você está na edição de Quinta-feira, 17 de Julho de 2014
Clique aqui e veja outras edições
Edição de - Na TV
Dimensão humana
Fonte: Divulgação Clique para Ampliar

Mauro Trindade/TV Press

Há alguns anos, o ator Marco Nanini comentava em uma entrevista a extraordinária popularidade da peça O Mistério de Irma Vap, que representou por nove anos. Ele ponderava o quanto um artista pode se tornar refém do sucesso, mesmo que seja em uma unanimidade de crítica e de público. A Grande Família, que voltou à grade da Globo, corre risco parecido.
Seja em praças tão distintas quanto Recife ou Santa Catarina, o seriado é um êxito absoluto. Chega a dar o triplo de ibope do segundo colocado, que explica mais de 400 episódios e 11 anos em exibição. Há boas razões para isso. Primeiro por ser um núcleo familiar tradicional, o que aproxima o telespectador que tem, teve ou gostaria de ter uma família onde todos se amam com franqueza e carinho. É comum o elenco ser abordado por pessoas dizendo ter uma avó como Dona Nenê (Marieta Severo) ou um avô como Lineu (Marco Nanini). Mesmo o malandro Agostinho, vivido por Pedro Cardoso, tem a periculosidade de um ladrão de galinhas e sempre é capaz de voltar atrás e ser perdoado. Depois de aturar quase toda uma semana de trabalho pesado e mal pago em cidades engarrafadas e perigosas, ver A Grande Família é reencontrar um pouco de paz, risos e tranquilidade, em um paraíso suburbano onde inexistem ressentimentos. Isso representa muito. E na vida de muita gente.
As soluções encontradas nessa nova temporada já foram apontadas como uma forma de o programa se aproximar ainda mais da idilizada nova classe média brasileira. Após quatro anos em coma, Lineu tem de reconquistar seu espaço junto à mulher, assediada pelo Doutor Romero (Juca de Oliveira), e conter o avanço de Agostinho em suas posses. O filho dele e Bebel (Guta Stresser) já é um adolescente, e Tuco (Lúcio Mauro Filho) torna-se humorista.
Todas as transformações oferecem novas oportunidades dramáticas para a série, que precisava de mais personagens e situações para não se repetir, depois de tanto tempo no ar. Mas o que A Grande Família tem de melhor continua a ser sua equipe, uma das melhores da história da televisão. Marco Nanini e Marieta Severo sobram. E o seriado ainda ganhou coadjuvantes de luxo, como Juca de Oliveira e Diogo Vilela, além de Tonico Pereira e Marcos Oliveira, que conseguem trazer para a tevê a força e a dimensão de homens e mulheres de verdade. Com um elenco desses, dava para montar O Jardim das Cerejeiras. Tchekhov gostaria.

filme do dia

Jet Li – O Justiceiro

(The Enforcer). China, 1995.
Direção: Yuen Kwai. Com Jet Li, Anita Mui.
Sem saber que seu pai, o lutador Kung Wei, fora recrutado pela polícia chinesa para desmantelar uma quadrilha em Hong
Kong, o pequeno Johnny, agora órfão de mãe, sofre com as acusações
contra seu idolatrado pai.
Kung Wei será forte o bastante para essa missão?

tv aberta

MISCELÂNEA ATRAENTE – O elenco principal do musical Priscilla abre o programa Hebe nesta terça (RedeTV!, 22h30), apresentando um trecho do espetáculo. Em seguida, a apresentadora recebe as jornalistas Rosana Jatobá e Lílian Pacce e a apresentadora Cris Couto. A produção conta também com as apresentações dos sertanejos Victor e Leo. Além disso, Hebe e Sérgio Reis cantam Tocando em Frente, de Almir Sater, acompanhados pela Orquestra Paulistana de Viola Caipira.

tv fechada

AMOR MORTAL – Um dos casos mais marcantes da cobertura jornalística brasileira é destaque nesta terça (A&E, 23 horas), no programa Até Que a Morte nos Separe. O episódio “Coração Selvagem” apresenta o caso que envolve a estudante Eloá Cristina Pimentel, de 15 anos, e seu ex-namorado Lindemberg, de 22 anos. Ele invadiu o apartamento de Eloá com a intenção de conversar e reatar o namoro. A história tornou-se uma das principais situações de sequestro do País.

novelas

AMOR ETERNO AMOR
(Globo, 18h15) – Dimas e Fernando criticam Rodrigo por querer agradar aos funcionários da empresa. Melissa leva Gracinha e Valéria ao shopping. Valéria não gosta quando Carmem avisa que ela também voltará para a Vila dos Milagres. Beto e Juliana se divertem com o jeito com que Pedro fala sobre Priscila. Kléber sugere que Jáqui trabalhe na ONG. Clara fala para Valéria que o filho que ela espera não será parecido com Rodrigo.

CHEIAS DE CHARME
(Globo, 19h15) – Inácio não se conforma com a adoração de Rosário por Fabian e rompe com ela. Chayene chantageia Fabian e força o cantor a assumir que eles estão namorando. Naldo e Socorro são recebidos pela mãe no Piauí. Sônia planeja um jantar romântico com Sarmento. Rodinei tenta reatar o namoro com Cida. No anúncio da candidatura de Otto, ele recebe uma denúncia. Penha é procurada pelo homem que emprestou dinheiro a Sandro.

AVENIDA BRASIL
(Globo, 21 horas) – Suellen diz a Monalisa que Olenka está saindo com Iran. Verônica e Noêmia pensam em promover um jantar para que seus maridos se conheçam. Olenka e Darkson convencem Monalisa e Silas a ir ao baile de charme. Jorginho diz a Nina que vai se separar de Débora. Monalisa aceita conversar com Silas. Nina conta para Lucinda que Max e Carminha estão armando um sequestro.

Compartilhe esta notícia Deixe seu comentário Assine a newsletter Indique esta Notícia


Mais Notícias de Geral
Jornal Gazeta do Sul
Rua Ramiro Barcelos, 1206 | Santa Cruz do Sul - RS
(51) 3715-7800 | portal@gaz.com.br
Desenvolvido e Mantido por
Equipe de TI Gazeta Grupo de Comunicações