Previsão do Tempo Min: 17° Máx: 30°
Previsão Completa
Você está na edição de Quinta-feira, 19 de Abril de 2012
Clique aqui e veja outras edições
Edição de - Estacionamento
Venâncio Aires analisa a instalação de parquímetros
Fonte: Divulgação Clique para Ampliar

O sistema de estacionamento rotativo pago pode mudar em Venâncio Aires. No início do mês, a Prefeitura enviou um projeto de lei que prevê a instalação de parquímetros. Isso significa que o trabalho essencialmente humano deverá ser substituído por equipamentos eletrônicos, mas ainda contará com monitores. Atualmente, a União das Associações de Moradores de Venâncio Aires (Uamva) é responsável pela administração do serviço (são 47 trabalhadores envolvidos), disponível no Centro da cidade.
Essa semana, representantes da Uamva se reuniram com os vereadores de Venâncio e disseram temer que o novo sistema possa resultar em demissões. Entretanto, o presidente interino da entidade, João da Silva, disse que inicialmente a Prefeitura se propôs a instalar parquímetros em ruas com menor movimento para testar o serviço. “Fomos informados que, em 2012, será só para teste”, diz. O projeto de lei está na Câmara e tramita na Comissão de Constituição e Justiça.
Conforme o presidente do Legislativo, vereador Paulo Mathias Ferreira, a medida deve ir a votação na próxima sessão, mas reforça que a posição da Uamva será levada em consideração. Observa que, até a decisão, o diálogo com a entidade será mantido. De acordo com o prefeito Airton Artus, o novo sistema irá otimizar o estacionamento rotativo pago e deverá ser aperfeiçoado com o tempo. Devem ser instalados quatro parquímetros. Artus afirma que a mudança trará economia aos cofres públicos. “Hoje gastamos de R$ 15 mil a R$ 20 mil. O objetivo é zerar os custos e aplicar esses recursos em benefício da Uamva e associações de bairros”, destaca.
Ele concorda que o número de trabalhadores será reduzido em razão dos parquímetros, mas frisa que, para essas pessoas, serão oferecidos cursos para novos trabalhos. Ainda assim, serão necessários monitores para fiscalizar o serviço. Os parquímetros possibilitam uma espécie de autoatendimento, em que os motoristas pagam por quantos minutos utilizarem o estacionamento e recebem comprovante, que é colocado de maneira visível no veículo.

O que diz a justificativa

O projeto de lei proposto pela Prefeitura prevê uma série de benefícios com a instalação dos parquímetros. Entre os mencionados estão o progresso do sistema e o desenvolvimento de um trabalho educativo com a população. A diminuição de custos (ou a economia completa) também foi mencionada na proposta. O novo estacionamento rotativo pago ainda irá ampliar a possibilidade de expansão do comércio.

Compartilhe esta notícia Deixe seu comentário Assine a newsletter Indique esta Notícia


Mais Notícias de Regional
Jornal Gazeta do Sul
Rua Ramiro Barcelos, 1206 | Santa Cruz do Sul - RS
(51) 3715-7800 | portal@gaz.com.br
Desenvolvido e Mantido por
Equipe de TI Gazeta Grupo de Comunicações